"Ningúem pede o que não precisa.

À medida que passam os anos, essas necessidades não satisfeitas continuam a existir com a mesma intensidade que no início. Mas nós, os adultos, estamos cada vez menos dispostos a compreender as mensagens e repetimos as frases "já és grande". Ou a pior categoria "isso é uma regressão".  - Laura Gutman

Sobre mim

Terminado o internato em pediatria médica em 2014 - realizado no Hospital Prof. Fernando Fonseca, na Amadora, decidi abraçar outros desafios. E foi assim que me vi a trabalhar em pleno Atlântico no Hospital Divino Espírito Santo em Ponta Delgada. Os desafios da insularidade ficaram para trás, quando comparados com a beleza da ilha e das suas gentes. Foi uma experiência marcante a todos os níveis!

 

De volta a Lisboa em 2015, comecei pelo serviço de urgência do Hospital D. Estefânia, depois pelo transporte de doente crítico pediátrico e por fim, na Unidade de Cuidados Intensivos do Hospital D. Estefânia.

Desde 2019 que abracei esta ideia de formar uma comunidade online para esclarecer e apoiar as tomadas de decisão de cada família.